quinta-feira, 21 de setembro de 2017

Modelo brasileira que mora nos EUA participa de concurso promovido pela revista ‘Maxim’ e avança à 3ª fase

Montagem: Portal BNC 
Do Portal BNC, Por Aluysio Morais
Quinta-feira, 21 de setembro de 2017 (11:55:23)

A modelo brasileira que nasceu em Brotas, cidade distante 250km da capital São Paulo e residente em Richmond (USA) a mais de 5 anos é sucesso absoluto em vários países. Estamos falando da linda loira Heloíne Mangerona Moreno, mas conhecida no exterior como Heloíne Moreno.


A bela de 28 anos de idade e 60kg bem distribuídos em 1,68m de altura, participou aqui no Brasil do concursos de beleza ‘Bela da Torcida do Coríntians’ promovido pelo  UOL. Heloíne Moreno também participou do concurso ‘Miss Brasil USA’, concurso esse que para brasileiras que vivem nos EUA.

Com uma vasta experiência por ter morado e feito trabalhos em Países como: Eslovênia, Croácia, Hungria, Áustria, além da França, Itália e Espanha na Europa, fica difícil ela falar qual lugar que mais gostou: “Não sei dizer qual o meu favorito, pois todos têm uma cultura única, comidas excelentes e pessoas bem diferentes”. Diz modelo.

Atualmente a modelo está participando de um concurso concorridíssimo, o qual é promovido pela bem conceituada revista ‘Maxim’, onde as modelos escolhidas estão concorrendo ao prêmio de $25,000, além de uma publicação na própria revista.

A votação é pública e teve início no dia 30 de agosto. Há uma divisão de de 100 grupos com uma média de meninas em cada grupo. A primeira eliminatória aconteceu no dia 13 de setembro e reduziu cada grupo para as 30 mais votadas. No dia 20 de setembro (ontem) foram reduzidos para 20 modelos mais votadas. As etapas seguintes serão nos dias 27/09, 04/10 e 11/10... A final do concurso será entre os dias 26/10 e 01/11.

A votação toda é online e você pode votar na loira através desse link: https://maximsfinest.com/2017/helo-iacute-ne-moreno

Para maiores informações entre em contato com a linda loira clicando em: https://www.facebook.com/heloine.moreno ou pelo instagram @heloinemoreno.

De uma beleza extrema Heloíne falou de vários assuntos como sua ida ao exterior, assédio, como foi descoberta para o mundo fashion, qual a parte do seu corpo que mais gosta, qual parte mais elogiada do seu corpo pelos fãs, enfim... Para saber tudo sobre o concurso e sobre a vida da modelo leia a matéria completa logo abaixo...


B N C – Com quantos anos você começou a modelar?
Heloíne Mangerona Moreno – Meu primeiro ensaio fotográfico e também desfile para uma loja foi quando eu tinha 21 anos.
Foto: Steven Schulte 

B N C – Modelar sempre fez parte dos seus sonhos?
Heloíne Mangerona Moreno – Sim, sempre sonhava em ser modelo. Desde criança, quando me perguntavam o que eu queria ser quando crescesse, sempre seria a mesma resposta: “Quero ser modelo”.

B N C – Como e por quem você foi descoberta para o mundo da moda?
Heloíne Mangerona Moreno – Quando ainda morava no Brasil havia começado fazer alguns ensaios fotográficos e também desfilar para uma loja de roupas, mas a carreira profissional se iniciou depois que mudei para os EUA, principalmente depois de ter vivido em Nova York e ter sido contratada por agência de lá. 

B N C – Você se sente uma pessoa realizada nesse mundo de puro glamour?
Heloíne Mangerona Moreno – Me sinto muito feliz e realizada, não pela questão do glamour, mas por minha realização profissional.

B N C – O que é a fama para você?
Heloíne Mangerona Moreno – Hoje em dia, a fama pode ser conquistada por qualquer pessoa pelos motivos mais diversos. No meu caso, sou mais conhecida pelo fato de ter participado de concursos de beleza, como o ‘Bela da Torcida do Corinthians’, que na época era um concurso da UOL que inclusive o Portal ajudou a divulgar. Também tenho "fama" devido ao ‘Miss Brasil USA’, que é um concurso para brasileiras que vivem nos EUA, que participei dois anos seguidos representando o estado da Virgínia onde eu moro. Também tenho meus trabalhos de modelo divulgados através das redes sociais e, por isso pessoas de diferentes partes do mundo me conhecerem. 

B N C – Como é lidar com a fama?
Heloíne Mangerona Moreno –  Me sinto lisonjeada de receber elogios, como também o carinho das pessoas que admiram meu trabalho.

B N C – Qual o lado bom da Fama?
Heloíne Mangerona Moreno – Acredito que seja o reconhecimento de que você está fazendo seu trabalho bem e direito. 

B N C – E o ruim?
Heloíne Mangerona Moreno – As críticas e julgamentos sem ao menos te conhecer de verdade. 

B N C – Você já foi assediada nesse mundo glamouroso da moda?
Heloíne Mangerona Moreno – Sim, mas nada exagerado.

B N C – Sem citar nomes, como tudo aconteceu?
Heloíne Mangerona Moreno – Na verdade, só passei por situações de pedirem para tirar foto comigo devido à admiração pelo meu trabalho, quando fui para Brotas, minha cidade natal. E também recebo muito pedidos por e-mail para que eu mande uma foto autografada. 

Foto: Steven Schulte 

B N C – Como você lida com o assédio?
Heloíne Mangerona Moreno – Como está tudo sobre controle ajo naturalmente como se deve agir.

B N C – O que você acha do nu artístico?
Heloíne Mangerona Moreno – Se for de bom gosto e com boa qualidade eu gosto sim. 

B N C – Se você recebesse uma proposta para posar nua para uma revista masculina você posaria?
Heloíne Mangerona Moreno – Dependendo da proposta aceitaria sim. 

B N C – Como você vê hoje o mundo da moda uma vez que sempre existem trocas de favores, assédios, enfim...?
Heloíne Mangerona Moreno – Creio que isso tudo é uma escolha pessoal, se você quer manter o profissionalismo e não fazer parte desses meios, apenas recuse a "proposta" e mantenha o foco no seu trabalho.

B N C – Você foi recentemente escolhida para participar do concurso da revista Maxim. Como você avalia este concurso e como aconteceu tal convite para sua participação no mesmo?
Heloíne Mangerona Moreno – Fiz a inscrição para o concurso assim que vi o anúncio do mesmo na página da Maxim, como já sou fã e sigo as postagens da revista, fui uma das primeiras em saber e logo me inscrever. Uma semana seguinte recebi o e-mail com a confirmação de que fui selecionada para a primeira etapa do voto público. 

B N C – Como será esta votação e como faz para votar em você?
Heloíne Mangerona Moreno – A votação toda é online e você pode votar em mim através desse link: https://maximsfinest.com/2017/helo-iacute-ne-moreno

B N C – Fale um pouco desse concurso para que o internauta fique mais por dentro do mesmo:
Heloíne Mangerona Moreno – As modelos escolhidas estão concorrendo ao prêmio de $25.000 e mais uma publicação na revista Maxim. A votação é pública e iniciou-se no dia 30/08. Há uma divisão de 100 grupos com 50 meninas em cada grupo.

Dia 13/09 o público votou e reduziu cada grupo para as 30 mais votadas.

Dia 20/09 houve outra votação e foi reduzido cada grupo para as 20 mais votadas.

No momento estou em quarto lugar no meu grupo. O que significa que 3 mil candidatas já foram eliminadas. 

Dia 27/09 cada grupo reduzirá as top para 10 mais votadas.

Dia 04/10 serão escolhidas as top 5 mais votadas.

Dia 11/10 a modelo mais votada será a vencedora da pré-eliminatória junto com as outras top 1 de cada um dos 100 grupos.

Do dia 12 a 18 de outubro as 100 meninas que foram as segundas mais votadas irão para uma votação extra para conseguir as top 10 mais votadas. 

A Semifinal será entre os dias 19 e 25 de outubro e a votação final entre os dias 26/10 e 01/11.

B N C – Você se sente preparada para um concurso com tamanhas dificuldades por existir tantas concorrentes?
Heloíne Mangerona Moreno – Sim, estou preparada e contando muito com o apoio dos amigos, fãs e família. 

B N C – Quem é Heloíne Mangerona Moreno modelo e Heloíne Mangerona Moreno pessoa?
Heloíne Mangerona Moreno – Na verdade sempre sou a mesma pessoa. Sou de bem com a vida, procuro enxergar sempre o lado positivo das situações e essas atitudes levo comigo tanto no lado pessoal quanto profissional.
Foto: Steven Schulte 

B N C – Se tivesse que mudar algo em seu corpo, o que você mudaria?
Heloíne Mangerona Moreno – Talvez um dia colocasse silicone para deixar os seios maiores. 

B N C – Qual a parte do seu corpo que você mais gosta?
Heloíne Mangerona Moreno – Minhas pernas, pois cuido muito delas na academia. 

B N C – E qual a parte do seu corpo mais elogiada pelos fãs?
Heloíne Mangerona Moreno – O bumbum.

B N C – Você tem namorado?
Heloíne Mangerona Moreno – Sim. 

B N C –  Quais seus planos futuros?
Heloíne Mangerona Moreno – Bom esse mês estou focada na votação da Maxim, porém tenho uma novidade que estou contanto em primeira mão para vocês. Serei capa de uma revista!!! Já fui publicada em dezenas de revistas aqui nos EUA, porém essa será minha primeira capa e estou muito feliz. 

B N C – Você pensa em voltar para o Brasil?
Heloíne Mangerona Moreno – No momento só para visitar a família e os amigos. Já faz 5 anos que moro aqui e procuro ir para o Brasil a cada 1 ou 2 anos.

B N C – Um jogo rápido para finalizarmos nossa entrevista. Uma viagem inesquecível que você fez?
Heloíne Mangerona Moreno – Amo viajar, além de viajar vários estados dentro dos EUA, gostei muito de conhecer outros países na América do Sul como Peru, Bolívia, Chile e Colômbia.

No entanto, minha viagem inesquecível foi quando fiquei um mês na Europa e tive a oportunidade de conhecer 7 países ( Eslovênia, Croácia, Itália, Hungria, Áustria, França e Espanha) e não sei dizer qual o meu favorito, pois todos tem uma cultura única, comidas excelentes e pessoas bem diferentes.

B N C – Um momento único;
Heloíne Mangerona Moreno – Quando voltei para o Brasil depois de 2 anos e meio e pude abraçar minha mãe e minha tia no aeroporto. Foi muito emocionante e especial. 

B N C – Um sonho;
Heloíne Mangerona Moreno – Conhecer todas as 7 maravilhas do mundo moderno. Já conheço 3 e creio que é um bom começo. 

B N C – Um ídolo;
Heloíne Mangerona Moreno – Tenho vários cantores latinos favoritos como Pitbull, Maluma, Daddy Yankee e J Balvin. Também gosto de modelos como Gisele Bündchen, Adriana Lima e Alessandra Ambrósio. 
B N C – Uma virtude;
Heloíne Mangerona Moreno – Coragem. 

B N C – Um defeito;
Heloíne Mangerona Moreno – Teimosia. 

B N C – O que não pode faltar na bolsa;
Heloíne Mangerona Moreno – Batom e lápis de olho. 

B N C – Brasil ou EUA?
Heloíne Mangerona Moreno – No momento EUA para morar e Brasil para passear. 

B N C – Algo que fez e que jamais faria novamente;
Heloíne Mangerona Moreno – Não me recordo de nada que tenha me arrependido.

B N C – Um filme;
Heloíne Mangerona Moreno – Filmes de terror em geral (O Exorcista, Jogos Mortais, O Chamado, etc).

B N C – Um livro;
Heloíne Mangerona Moreno – O Alquimista - Paulo Coelho.

B N C – Uma frase:

Heloíne Mangerona Moreno – "Quando você quer alguma coisa, todo o universo conspira para que você realize o seu desejo." (Paulo Coelho). 
Foto: 
Foto: 
Foto:
Foto: Steven Schulte 
Foto: Steven Schulte 
Foto: Steven Schulte 
Foto: Steven Schulte 
Foto: Steven Schulte 
Foto:
Foto:  
Foto: Steven Schulte 
Foto: Steven Schulte 
Foto: Steven Schulte 
Foto: Steven Schulte 
Foto: Steven Schulte 
Foto: Steven Schulte 




quinta-feira, 14 de setembro de 2017

7 situações em que é melhor deixar o treino de lado e descansar

© Thinkstock/Getty Images mulher-cansada-fit
Do MSN,
Quinta-feira, 14 de setembro de 2017 (12:21:08)
Atire o primeiro despertador quem nunca arrumou uma razão para ignorar o treino e dormir mais uma horinha: o stress do trabalho pesa, aquela dorzinha da corrida do fim de semana se manifesta, a bolha no pé existe, está frio… Tudo muito válido! Tão válido que é preciso foco para sair de debaixo das cobertas. Olha, tem dias em que é melhor ficar por lá mesmo! Sim, exercício faz bem, mas, em algumas situações, o organismo precisa de uma pausa.
Ao contrário do que você imagina, reconhecer e respeitar isso vai favorecer seu desempenho – afinal, você não quer correr o risco de ter de passar muito mais tempo de molho por causa de uma doença ou de uma lesão. Então considere ficar em casa quando tem…
1. Gripe ou resfriado
Se você está toda “endubida”, acredite, vai faltar ar no treino. Além disso, o corpo precisa poupar energia para combater a infecção. “Gripe e resfriado costumam se curar sozinhos, mas o repouso evita complicações, como uma pneumonia”, alerta a infectologista Camila Martini, de São Paulo. “Retome as atividades mais intensas aos poucos, até duas semanas depois do fim de sintomas como febre e falta de ar.” Até lá, prefira exercícios que não a deixem ofegante, e feitos em locais com boa circulação de ar – você não quer deixar os colegas da academia gripados também, né?
2. Dor nas costas
Você acordou e travou! Pode ser culpa da má postura ou da carga exagerada na musculação. “Quando sobrecarregamos a musculatura ao redor da coluna, o corpo responde com enrijecimento e dor, explica o ortopedista Bruno Rabello, do Rio de Janeiro. Normalmente esse processo inflamatório se resolve sozinho em poucos dias. Nesse período, repouso e compressas quentes no local oferecem algum alívio. “Alongar não ajuda a curar a lesão e pode, inclusive, piorá-la”, alerta Bruno.
3. Insônia
Não sinta culpa: cansaço é bem diferente de preguiça – e até a preguiça, às vezes, faz parte. As pessoas devem dormir, em média, de sete a oito horas por noite. E o sono precisa ser de qualidade – quando você acorda recuperada”, explica o endocrinologista Wilmar Accursio, de São Paulo. Se isso não ocorre por alguns dias, os músculos ficam fatigados e os reflexos mais lentos, e há risco de lesões e perda de massa magra.
Achar que exercícios vão deixar você cansada e fazer o sono chegar mais rápido é um engano. Treinos intensos liberam adrenalina resultado: corpo acelerado. Em períodos de insônia, opte por atividades relaxantes, e nunca depois das 20 horas.
4. Ressaca
Uma ou duas taças de vinho na noite anterior não são álibi para matar o treino da manhã. Já se você exagerou na despedida de solteira da melhor amiga, não vá malhar pensando em queimar de uma só vez todas as calorias dos drinques. “Álcool é diurético, e o excesso de urina leva à desidratação e à perda de minerais importantes (como cálcio e magnésio) que regulam as contrações musculares”, explica Wilmar.
Além disso, a bebida bagunça nossas reservas de açúcar. “Os músculos têm menos matéria-prima para fabricar energia e a fraqueza bate. É bem capaz que você termine o treino se sentindo ainda pior do que estava antes.” Prefira descansar e beber muuuita água.
5. Dor de cabeça
A cabeça lateja só de pensar na música alta bombando na academia? Melhor mudar seus planos do dia. A atividade física tende a piorar (e muito) uma cefaleia. Principalmente se você apostar nas modalidades em que pula, agacha e sobe ou fica muito ofegante – a dilatação dos vasos sanguíneos aumenta aquela pulsação incômoda. Mais: malhar baixa o nível de glicose no sangue e pode desidratar o corpo, dois gatilhos bem comuns de enxaqueca.
“Se não quiser ficar parada, prefira fazer um aeróbico bem leve, como uma caminhada ou um passeio de bicicleta em um lugar sossegado. Isso estimula a circulação no cérebro, relaxa e pode até aliviara dor, explica o neurologista Marcus Paulo de Souza, de São Paulo.
6. Cólica menstrual
A gente entende que você prefira ficar quietinha quando a dor bate. “Mas só desaconselho atividades físicas para quem tem muito sangramento na menstruação, porque ele pode aumentar”, diz a ginecologista Célia David, de São Paulo. Em geral, quem sofre com cólicas se beneficia de práticas de alongamento e relaxamento. “A dor acontece porque há contrações no útero. Exercícios que estimulam a musculatura da bacia aliviam o incômodo.” Aproveite para experimentar a aula de pilates ou ioga.
7. Diarreia ou vômito
Pouco importa o motivo – se foi uma doença gastrointestinal causada por vírus, bactérias ou só um alimento que não caiu bem –, a diarreia e o vômito levam à perda intensa de água. “E os exercícios intensificam a desidratação rapidamente, alerta Camila. Por uma semana, falte ao treino para ficar em casa (bem pertinho do seu banheiro!) e beba muita água para se hidratar.sistema imunológico necessita desse descanso para combater as causas da doença.”

quarta-feira, 13 de setembro de 2017

Ex-bailarina do Faustão , Vanessa Perez posa seminua e esbanja sensualidade


Do Bol,
Quarta-feira, 13 de setembro de 2017 (20:01:01)

Estrela do próximo ensaio do Diamond Brazil, a ex-bailarina do Faustão Vanessa Perez divulgou uma prévia do ensaio em que exibe suas curvas. O material completo da gata estará no site do projeto a partir do dia 15 de setembro. O site Diamond Brazil busca exaltar a beleza feminina e desmitificar a nudez como vulgaridade. "Os ensaios são feitos para que a sensualidade seja admirada como uma verdadeira arte. Para que a imaginação de nossos assinantes seja aflorada sem nenhuma vulgaridade", afirma Viviane Bordin, criadora do site.


A ex-bailarina do Faustão Vanessa Perez mostra que está em ótima forma em seu novo ensaio sensual
 Divulgação/M2 Mídia
 Divulgação/M2 Mídia
Divulgação/M2 Mídia
 Divulgação/M2 Mídia

 Divulgação/M2 Mídia

Divulgação/M2 Mídia